terça-feira, 10 de novembro de 2009

Faz tanto tempo!!!!



Oi gente! Hoje completou 31 dias sem que eu tenha postado nada!! Um absurdo!!!! Mas estava envolvida com novos projetos e que me cobrou muito de meu tempo, pois precisou muito de minha dedicação, ainda estou engatinhando com ele. Em breve vocês vão ter notícias. O blog provavelmente irá mudar um pouco o foco e desejo profundamente que, ainda que não tenham interesse sobre o assunto continuem me visitando e fazendo comentários, críticas, pois é através disto que nós podemos crescer. Eu me permito e espero que vocês contribuam comigo.


Bem, contando a última novidade: Eu e meu marido (meio relutante no inicio) participamos neste fim de semana, quentíssimo do Rio de Janeiro, do encontro de casais em Cristo, da Segunda União (meu marido já foi casado na igreja, por este motivo, vivemos a segunda união). Ao total foram 11 casais que participaram!! O objetivo do encontro foi o acolhimento e confesso que me senti exatamente assim:





Independente de religiões, certo?? O encontro não exigia que o casal fosse católico. Eu sou e como dizem por aí, praticante. Participo da comunidade da minha paróquia, mas nunca fui tão bem acolhida em um lugar como fui neste fim de semana. O encontro foi realizado em outra paróquia que eu nunca havia ido, motivo maior da minha surpresa em relação a recepção! Em um final de semana de sol do Rio de Janeiro, havia cerca de 100 pessoas trabalhando em prol de apenas 11 casais... Foi maravilhoso!!! Deixo aqui minha opinião e indicação. Caso vocês recebam um convite como este abram seus corações (mesmo que aja mágoa ou desilusão com a igreja)  permitam se encantar e ter um final de semana de amor, carinho, atenção, várias risadas, choros, troca de ideias, tudo em prol de sua família... Sem pressões, sem pedição de dinheiro, sem fadiga, sem monotonia... Apenas uma brisa leve, como o proprio Senhor!!!



Um detalhe: O encontro não é para salvar ou acabar com seus problemas, mas contribui para que o nosso olhar mude o foco diante deles e saiba que a caminhada da vida é feita de tropeços, tombos, feridas graves, mas que podemos levantar e dar a volta por cima com a presença de Deus! 


Precisava fazer este relato para vocês!!! 


Bjão e tenham uma excelente semana!!

7 comentários:

Silvia Regina disse...

oie Paulinha

já estava com saudades mas sei que sua ausência foi por um bom motivo!
Nossa fiquei muito emocionada com seu depoimento sobre o encontro de casais espero freqüentar um com meu marido ele meio que reluta com religião mas tem um bom coração e sei que preciso de calma para poder levar ele quando for o momento.

e quando vier o novo foco do seu blog estarei aqui sempre acompanhando pois gosto muito da sua sinceridade e honestidade.

bjim

Paulinha e Fabiano disse...

Oi, mulher!
Sumida é pouco hein?!
Parabéns pela iniciativa do encontro de casais! Todos nós precisamos de proteção superior!!!
Aguardo as novidades, hein!
Beijão!
Paulinha
Reformando Nosso Apê

Anônimo disse...

Amigaaaaaaaa

Até que enfim hein??
Saudades mil...

Louca pra saber das novidades...!! rsrs

E que encontro abençoado hein!!

Muito feliz por vc!!

E não esquece de mim não tá!!

Bjos da sua amiga tagarela
Carol :D

Ju disse...

Oi Paulinha!
Embora não faça muitos comentários, sou seguidora do seu blog e por isso sempre passo por aqui. Fico feliz que tenha dado noticia e que em breve terá novidades para nos contar!!!! Aí, que curiosidade!!!!!
Uma linda quinta-feira!!!
beijos,
Ju

Anônimo disse...

Há anos participei de um encontro de casais e foi muito bacana. Dá um "puxa pra cá" em relação a Deus. Toca fundo no coração da gente, não é ? Tenho vindo vez ou outra aqui e gostado do teu blog. Sou novata no "pedaço"...rs. Bjs e continue focada em tudo que viste do encontro de casais.
www.treleledaana.blogspot.com

Andrea disse...

Paulinha sumida!

Um relato do bem sempre faz bem!

Beijocas!

Verissima-online disse...

Olá! Saudades!!
A questão do encontro de casais, eu tbm sou católica e meu marido já foi casado, ou seja tbm vivemos a segunda união, eu gostaria de participar, mas meu marido pra por o pé numa igreja tô pra ver...rsrs, pra vc ter uma ideia, estamos casados (civil) a 18 anos e só vi ele entrar na igreja 2 vezes, no batizado do nosso filho, ha 14 anos e na missa de setimo dia do pai dele ha uns 6 anos pode?
É totalmente Ateu (Atoa).
Mas eu vou nas missas de domingo de manhã, pois tem uma igreja perto de casa, o que sinto falta é de receber a hóstia, fui batizada, fiz a primeira comunhão,fiz a crisma e agora perante as lei da igreja não devo comungar...isso me entristesse muito, sinto como se estivesse sendo castigada por algo errado que fiz!! Me incomoda tanto, que me disseram que se meu marido fosse viuvo poderiamos casar na igreja e eu poderia voltar a receber a hóstia e ai imagina meus pensamentos né? rsrs(olha a pecadora). Mas é isso Deus já tem nossos caminhos traçados e só me cabe aceitar!
Beijos!!